QUEM SOU EU: UMA MULHER QUE DIZ DA FORMA MAIS POÉTICA POSSÍVEL, O QUE VAI NA ALMA E NO CORPO TAMBÉM...BEM VINDOS AO MEU CANTINHO!!!!
VEM VIAJAR EM MINHA POESIA, E TE FAÇO COMPANHIA...
PELOS CAMINHOS DAS LETRAS
FAÇO DOS MEUS VERSOS
RAZÃO PARA MEU UNIVERSO...
VEM COMIGO, VEM!
VAMOS SEGUIR MAIS ALÉM...


Últimos comentários

burberry calvin klein swatch seiko citizen ...

09/04/2011 @ 04:31:14
por fdsh


Beleza?! Tudo certinho?! Seguinte, a maioria dos ...

06/09/2010 @ 09:35:56
por Bruno Machado


Muito interessante história e erótico. Eu não ...

04/09/2010 @ 16:32:28
por Shashi


OBRIGADA PELO CARINHO...FIQUEM COM MEUS BEIJINHOS...

26/07/2009 @ 04:59:26
por Admin


também gosto de poesias

05/07/2009 @ 06:24:59
por novidade de vida


Calendário

Julho 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
 << < > >>
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031     

Anúncio

Quem está conectado?

Membro: 0
Visitante: 1

rss Sindicação

11 Jan 2013 - 12:55:44

A 'Primeira' Do Ano

                      Minha primeira foto desse ano de 2013


A 'Primeira' Do Ano
Reeditado

E na noite de Ano Novo, ele a fez feliz...
Rasgou a calcinha branca que ela havia comprado
Para tal ocasião...
Jogou-a na cama,
Tirava dela, o vestido azul de várias nuances,
Deixando-a nua em pelo
Qual viera ao mundo...
O monte de vênus, habilmente aparadinho em V,
Fazia o desejo dele, acender...

Passou a mão sobre as ancas da mulher,
Segurou-lhe um dos seios apetitosos,
Pedintes de sucção...
Fantasiou uma terceira pessoa, ali então...

Ele sabia que ela disto gostava:
Inventar sempre, uma nova situação...
A fantasia sempre era bem vinda!
Mas queriam mesmo
Era gozar rios de prazer...
A cavalgada começou
As carnes dela,
Começaram a tremer...


Um arrepio percorreu-lhe a espinha dorsal,
Passou a língua nos lábios dele,
Isso era realmente um bom sinal...

A mulher, gostava de morder seu homem nos cantos da boca também...
O queixo, os ombros...
Ele muito apreciava isso.
E não pode deixar de soltar um gemido...

Ele a virou de quatro
As nádegas expostas para seu deleite...
Deu-lhe algumas palmadinhas,
Ficaram róseas...
Mas ela gostava... Era safadinha...

Ela pedia em sua agonia para gozar,
Que ele de vadia pudesse chamar...
Outros nomes ela dizia, para que ele repetisse...
E o homem fiel aos seus desejos, isso fazia.
No meio desses delírios de mulher ardente,
Já se ia o gozo
A derramar entre as coxas roliças,
Escorrendo mel quente...

Ao perceber isso, ele a virou mais uma vez,
E de 'conchinha' agarrado a sua fêmea feliz,
Deixou-se levar...
Galopando entre os gemidos dela,
Ele finalmente soltou o leite branco, quente e viscoso,
De seu delicioso gozo...

Ficaram depois, minutos seguidos, abraçados...
Ele apertava os seios dela, enquanto ela lhe prendia entre suas coxas,
Para que aquele membro grosso não se deixasse escapar,
Enquanto aquela sensação boa, ficasse no ar...

Fátima Abreu

Link permanente para o artigo completo

http://fatimaabreu.woman-blogs.net/FATIMA-ABREU-b1/A-Primeira-Do-Ano-b1-p330.htm

Comentários

Este artigo ainda não tem Comentário ...


Deixe um comentário

Estado dos novos comentários: Publicado





Sua URL será visualizada.


Entre com o código contido nas imagens


Texto do comentário

Opções
   (Salvar o nome, email e a url em cookies.)